Av. Ana Costa, 146 cj. 809 - Vila Mathias Santos - SP

Condomínio Sustentável: a alternativa da Energia Solar

18 agosto

Condomínio Sustentável: a alternativa da Energia Solar

Categoria: Notícias

Já pensou em tornar seu condomínio mais sustentável? A Inspetor.com separou diversas possibilidades de sustentabilidade para o seu condomínio. Então, começamos hoje a série “Condomínio Sustentável”, com informações que podem te ajudar a adequar o seu condomínio com medidas que ajudam a preservar o meio ambiente e ainda ajudam a diminuir seus custos mensais.

Uma das grandes dores de cabeça dos síndicos é o consumo de energia. Oferecer áreas comuns bem iluminadas, sala de jogos ou salão de festas com temperatura agradável tem um custo alto para o condomínio. Por mais que realize alguns ajustes o custo com o consumo de energia continua elevado. 

E por que não utilizar uma fonte de energia natural e gratuita?

Todo mundo já ouvir falar sobre energia solar, e é por meio dela que o consumo de energia pode deixar de ser um problema para o seu condomínio. Hoje é possível instalar um sistema de  geração de eletricidade fotovoltaica à rede de distribuição elétrica convencional do seu condomínio por meio de painéis  solares. Essa solução pode reduzir drasticamente o custo da conta de luz do seu condomínio, diminuir os gastos com consumo de energia dos moradores e ainda contribuir com o meio ambiente.

Adquirir esse sistema terá um custo alto para o condomínio?

Com o avanço da tecnologia, os custos de painéis solares estão cada vez mais acessíveis. Os valores podem assustar no começo, mas o investimento pode ser recuperado em até quatro anos e o seu condomínio garante cerca de 25 anos de consumo de energia sem custo algum. E aquela famosa taxa paga à concessionária de energia não existirá. O condomínio pagará apenas os encargos da taxa de iluminação pública e taxa mínima para liberação da energia.

Se seu condomínio quer aderir, mas não tem dinheiro para investir, hoje é possível realizar um financiamento com longo prazo de amortização que pode facilitar a implantação. Outra forma é o parcelamento por meio da empresa contratada, que oferecem essa possibilidade para facilitar o acesso dos clientes a esse sistema.

Como seu condomínio pode aderir à energia solar?

Para começar é necessária muita pesquisa e muito planejamento, além de existir diversos fatores que devem ser considerados. Após criar um planejamento detalhado que comprove que todos serão beneficiados com esse sistema, é necessário apresentar a proposta na habitual Assembleia Geral, para que seja votada e aprovada, afinal, é uma grande mudança, e o apoio dos moradores durante esse processo é ideal para a gestão do condomínio.

Com a proposta aprovada, é necessário avaliar os melhores locais onde os painéis solares podem ser instalados, pois um painel de 325 W (watt) de potência possui 2x1m. Os lugares mais comuns e mais indicados são os telhados. 

Instale a quantidade de painéis suficientes para reduzir ao máximo o consumo de energia comum. Caso em algum momento os painéis geram mais energia que o consumo, pode ser armazenado para suprimir em momentos de falta.

A tecnologia traz diversos benefícios para o seu condomínio, proporciona conforto, facilidade, segurança e economia. Utilizando da forma correta até o nosso planeta sai ganhando.

Gostou? Então assine nossa newsletter e receba mais conteúdos como esses.

Fonte adaptada: Site Solar Brasil e Sindiconet

Por Inspetor.com